quarta-feira, novembro 17, 2010

Sabe o que mais doeu? Saber que você estava cometendo o mesmo erro que eu. O pior não foi saber que você estava com ela, mas saber que você não a amava, que ela não te daria o valor que eu dava e que depois que a euforia e o seu orgulho passasse, você voltaria. Iria querer me ouvir te pedindo pra ficar, pra não ir. E eu sabia que quando você voltasse eu já não estaria mais disposta. Não é que eu não te ame mais. Eu te amo, amo muito. Só não consigo mais ter aquele desejo de te fazer a pessoa mais feliz. Não consigo olhar pra você e ver o meu mundo. Eu queria estar inteira pra quando você voltasse, mas você quebrou, sujou aquele lugar que eu guardei pra você. Meu coração era seu. Meu pensamento era seu. Eu era sua. Pela primeira vez, eu acho que está um pouco tarde, um pouco errado. Eu ainda sonho com você e sinto uma falta absurda de olhar no seus olhos e reconhecer. Simplismente reconhecer. Não sei de onde, mas reconhecer. Eu não queria me perder de você mas você foi embora e esqueceu de me ensinar a te esperar.

Um comentário:

Loazinha disse...

'Não consigo olhar pra você e ver o meu mundo. Eu queria estar inteira pra quando você voltasse, mas você quebrou, sujou aquele lugar que eu guardei pra você. Meu coração era seu. Meu pensamento era seu. Eu era sua. Pela primeira vez, eu acho que está um pouco tarde, um pouco errado. Eu não queria me perder de você mas você foi embora e esqueceu de me ensinar a te esperar.' Meu Deus, você com certeza me conhece, sabe exatamente o que eu passei essa semana e postou. Porque eu nem tenho palavras para dizer que você acabou de resumir o que eu não consigo ao menos expressar em palavras. LINDO